imagoverbalis

Posts Tagged ‘sustentabilidade

debate sobre desenvolvimento humano em tavira

leave a comment »

a equipa da unidade de cuidados na comunidade (ucc) talabriga do centro de saúde de tavira, em parceria com a escola secundária dr. augusto correia de tavira, realiza um debate, no cine teatro antónio pinheiro, em tavira, no dia 18 de novembro (sexta-feira), às 21:00 horas, dedicado ao “desenvolvimento humano”.

este debate, que pretende abordar temas como a cidadania, a formação cívica, a ajuda humanitária, a consciência social, as questões de sustentabilidade, entre outros, tem como objetivo juntar gerações e envolver os alunos na realidade sócio-político-económica atual, num momento de viragem mundial susceptível de “contaminar” e marcar o futuro destes jovens.

a organização conta com um painel de oradores convidados provenientes das mais vastas áreas da sociedade, do qual fazem parte jorge wemans, director de programas da rtp2; rui lourenço, médico da unidade de cuidados de saúde personalizados (ucsp) quarteira; elisabete rodrigues, jornalista do site informativo sul informação; antónio fragoso de almeida, docente da escola superior de educação da universidade do algarve; orlandino rosa, diretor da agência de tavira da rede de consultadoria financeira «decisões e soluções» e jorge botelho, presidente da câmara municipal de tavira. 

“porque todos temos dúvidas – dhudas, na nossa gíria”, lê-se na informação da organização,  “não há a promessa de encontrar soluções estanques, mas antes de procurá-las, em conjunto, num debate que se pretende o mais abrangente possível, cobrindo áreas prioritárias e essenciais da existência humana.”

o evento tem entrada livre e é aberto a toda a comunidade.

plantar uma árvore

leave a comment »

realiza-se de 23 a 28 de novembro a semana da reflorestação nacional, coordenada pelo movimento plantar portugal, em colaboração com os municípios portugueses, com o objectivo de irmos todos ao encontro da floresta para cuidá-la, “proteger e plantar com respeito pela biodiversidade e pelas espécies autóctones”. actos de cidadania, em nome da sustentabilidade. para podermos continuar a refugiar-nos nos ambientes verdes e procurar sossego, tranquilidade e harmonia que só o som das árvores nos transmite, sendo o contacto íntimo com a natureza essencial para a nossa sobrevivência, num ambiente saudável.