imagoverbalis

Posts Tagged ‘fotografia

the 3rd & the 7th

leave a comment »

Anúncios

Written by imagoverbalis

Dezembro 12, 2011 at 7:48 am

somos vidas

leave a comment »

“(…) que somos todos diferentes, é um axioma da nossa naturalidade. só nos parecemos de longe, na proporção, portanto, em que não somos nós. a vida é, por isso, para os indefinidos; só podem conviver os que que nunca se definem, e são, um e outro, ninguéns. (…) somos forças porque somos vidas. cada um de nós tende para si próprio com escala pelos outros. (…) toda a aproximação é um conflito. o outro é sempre o obstáculo para quem procura. só quem não procura é feliz; porque só quem não busca, encontra, visto que quem não procura já tem, e já ter, seja o que for, é ser feliz, como não pensar é a parte melhor de ser rico.”

(fernando pessoa, “o rio da posse”)

Written by imagoverbalis

Agosto 19, 2011 at 2:36 pm

iluminação…

leave a comment »

there are very few human beings who receive the truth, complete and staggering, by instant illumination. most of them acquire it fragment by fragment, on a small scale, by successive developments, cellularly, like a laborious mosaic.

(anais nin)

Written by imagoverbalis

Junho 24, 2011 at 7:16 am

Publicado em fotografia

Tagged with , ,

ode à fotografia

leave a comment »

“i believe in the photographer’s magic — the ability to stir the soul with light and shape and colour. to create grand visual moments out of small and simple things, and to infuse big and complicated subjects with unpretentious elegance. he respects classic disciplines, while at the same time insists on being fast, modern and wild.” (amyn nasser)

Written by imagoverbalis

Abril 5, 2011 at 7:38 am

a vida da decadência…

leave a comment »

“i have always looked upon decay as being just as wonderful and rich an expression of life as growth.”

(henry miller)

Written by imagoverbalis

Janeiro 29, 2011 at 11:33 am

fotografia do meu esconderijo

leave a comment »

“whether he is an artist or not, the photographer is a joyous sensualist, for the simple reason that the eye traffics in feelings, not in thoughts.”

(walker evans)

o fotógrafo que acertou na mouche (ou não)

leave a comment »

magnus_muhr©

eleito como autor do melhor álbum fotográfico da semana pela página web sueca fotosidan (a página de fotografia), o fotógrafo magnus muhr já começa a ter o seu nome espalhado pelo mundo fora graças às fotos humorísticas que cria com uns simples rabiscos num papel branco á volta de uma, duas ou mais moscas mortas, tipo bd. “tudo começou”, conta, “numa festa um bocado choxa quando encontrei uma mosca morta e, para me divertir, fui buscar uma caneta, um papel e uma pequena máquina de fotografia e criei um cenário que toda a gente gostou”, sublinhando, no entanto, que “nunca me passaria pela cabeça matar moscas para o efeito”. tendo este senhor das moscas, como já é intitulado, conseguindo em poucos dias vender variadíssimos quadros com os bichinhos em posições que não parecem ter fim, promete continuar a brincar com os bichinhos em prol do humor e boa disposição.

(tradução: gostaste? mm…conseguiste mesmo, britta, sabe mesmo à merda!!)

Written by imagoverbalis

Outubro 24, 2009 at 6:08 pm