imagoverbalis

a importância da autoestima

leave a comment »

(…) quando amamos alguém baseamo-nos quase sempre numa imagem mais ou menos idealizada na nossa mente. chega uma coisa mínima e aquela imagem é estragada. quando o outro nos mostra as suas facetas – inclusive os seus abismos – que não correspondem àquela imagem, é como se fossemos traídos. temos aparentemente uma enorme dificuldade em deixar aquelas facetas existirem livremente e independentes da nossa própria pessoa. (…)

susanne brøgger, “creme fraîche”

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: